Bombeamento do Rio Atibaia

Jundiaí possui uma outorga para fazer a reversão sazonal, quando necessário, do rio Atibaia. Para isso, foram construídas duas casas de bombas em Itatiba, cada uma com quatro conjuntos de bombas, capazes de enviar 1200 litros de água por segundo ao manancial Jundiaí-Mirim, através de duas adutoras (uma com 700 milímetros de diâmetro e outra com 1200), com 11 quilômetros de extensão. As adutoras passam pela rodovia Dom Pedro I e pela Estrada do Pinheirinho até que a água chegue à bacia do rio Jundiaí-Mirim.

O monitoramento da captação do rio Atibaia é feito em tempo real, via rádio, pelo sistema de Telemetria e Telecomando. A vazão é captada por sensores e enviada ao DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica).




Rodovia Vereador Geraldo Dias, 1500
Vila Hortolândia - Jundiaí - SP ver no mapa
Telefone: (11) 4589-1300
Prefeitura de Jundiaí
DAE Jundiaí | Desenvolvido por CIJUN