Arquivo de Notícias

Mais de 1.300 famílias participam do Plano de Saneamento

A DAE Jundiaí realizou no fim de semana 1ª Conferência de Saneamento – Água e Esgoto, no auditório da empresa, com a participação da população. Essa é mais uma etapa da elaboração do Plano Municipal que cumpre, em parte, a legislação federal 11.445/2007.

A Cobrape, empresa contratada para a realização do Plano, iniciou o evento com um panorama da situação atual da água e esgoto na cidade. Depois mostrou um diagnóstico com base em dados obtidos com visitas de campo, informações dos profissionais da DAE e a participação da população.

Segundo a técnica da Cobrape, Raissa Dias, foram enviados questionários para todos os moradores. “ Analisando o tamanho e as características do município, o retorno foi muito positivo. Foram 1367 participantes, em sua maioria através das urnas espalhadas em todos os bairros”.

Na análise foi observado que 98% da população é atendida com rede de água. Do restante, 40% usa poço caipira, 29% caminhão-pipa, 26% poço artesiano, 3% córrego ou rio e 2% nascente/mina.

Do volume total de água tratada fornecida pela DAE em 2015, 83% eram para uso residencial. O restante utiliza para fins comerciais, industriais e público.

No questionário, o munícipe teve a oportunidade de fazer apontamentos sobre a água recebida em sua residência: 27% dos participantes não responderam, 17% falaram de alteração no odor, 13% falta de água por período inferior a 6 horas, 13% água com muita pressão, 10% alteração na cor, 8% água com pouca pressão e 12% outros.

A condição da rede de esgoto também foi avaliada pelos participantes. Do total, 56% não responderam, 22% odor ao redor, 6% retorno de esgoto, 2% extravasamentos e 14% outros.

Raissa explica que agora começa uma nova fase do Plano de Saneamento. ” O próximo e talvez o mais importante são as ações que serão tomadas para resolver os apontamentos feitos. Depois disso vamos pensar na cidade em 4, 8 e 20 anos”.

Para o presidente da DAE, Jamil Yatim, o mais importante é aliar o futuro com o crescimento sustentável do município. ” Temos que pensar mais adiante, é assim que pensamos no saneamento. Este é mais um compromisso assumido e que está sendo executado pela administração Pedro Bigardi”.

Uma nova Conferência será realizada no segundo semestre. Além das medidas que serão tomadas para melhorar o atual serviço de água e esgoto, será mostrado um prognóstico com objetivos e metas e análise populacional para 20 anos.

” O Plano de Saneamento preconiza o planejamento para evitar o desperdício, por isso a participação da população continua sendo muito importante. Essa é a única forma de manter Jundiaí como referência do saneamento no Brasil”.
Depois de finalizado, o Plano será transformado em projeto de lei e irá para votação na Câmara Municipal.

20160618_090327

Publicada em 20/06/2016



Rodovia Vereador Geraldo Dias, 1500
Vila Hortolândia - Jundiaí - SP ver no mapa
Telefone: (11) 4589-1300
Prefeitura de Jundiaí
DAE Jundiaí | Desenvolvido por CIJUN