Arquivo de Notícias

DAE e CSJ ensinam saneamento com atividades lúdicas, oficinas e maquetes

A DAE e a CSJ Tratamento de Esgotos vão ocupar um pavilhão inteiro do Parque da Uva, durante a 1º Feira de Meio Ambiente de Jundiaí “EcoJundiaí”, com a exposição: “Circuito da água e esgoto para cuidar da natureza”, num espaço de aproximadamente mil metros quadrados. A montagem dos painéis será a partir de segunda-feira.

A proposta da DAE, segundo o presidente Wilson Roberto Engholm, é integrar todas as etapas do sistema de saneamento, desde a captação nos mananciais até a Estação de Tratamento de Esgotos, no Varjão. “Escolhemos uma forma simples, acessível e lógica para mostrar, por meio de brincadeiras lúdicas, como é que ocorre o tratamento de água e esgoto da cidade. Tudo vai estar integrado, até os projetos sociais da Casa da Fonte e as atividades de lazer do Parque da Cidade, como as bikes do PEAMA. Vai ser diferente e interessante para as crianças, especialmente”.

Circuito com rio e mudas

Haverá um trajeto simbolizando o curso da água (em carpete azul) que vai passar por várias etapas. Na entrada o público vai encontrar a maquete (novidade) da duplicação da represa, tratamento de água, evolução dos hidrômetros, nível dos reservatórios, dicas de economia (bonecos pintados em madeira que as crianças poderão colocar o rosto e fotografar), materiais que são encontrados nas redes de esgoto (estopa, absorventes, panos, brinquedos, etc. Ao todo, serão 11 painéis, jogos, oficinas, projetos e demonstração de materiais e equipamentos.

Em todo percurso do circuito o público poderá identificar as mudas nativas do Viveiro da DAE/Parque da Cidade, mais de 1.500. E quem visitar o espaço poderá levar sementes de plantas nativas da região, simbolizando o trabalho de reflorestamento feito pela DAE para recomposição da mata ciliar.

Jogo da CSJ Tratamento de Esgotos

A CSJ desenvolveu um jogo de perguntas por meio de um painel eletrônico com o sistema de tratamento de esgoto. Os vencedores ganharão brindes e dicas de meio ambiente. A Opersan vai mostrar o Jogo Virtual de Economia de Energia, elaborado a partir da parceria com SESI e DAE, cuja primeiro módulo (economia de água) rendeu, ano passado, o Prêmio Ação Pela Água, do PCJ.

Basquete ecológico

Outras atividades recreativas, mas com formato de meio ambiente, terão espaço. O BASQUECO, do Parque da Cidade, vai ensinar a garotada a mandar o lixo para a cesta. Tudo feito com garrafas PETs. A turma do projeto Paturi – canoagem e meio ambiente, parceria com DAE/Parque da Cidade também participará com exposição de caiaques. O que mais deve chamar a atenção dos visitantes é o caminhão-pipa de água potável da DAE, que ficará logo na entrada dos pavilhões, simbolizando a água tratada que chega nas torneiras. E o público poderá beber essa água.

“Isso tudo para sensibilizarmos os alunos e a população do trabalho realizado pela DAE na cidade, o tratamento de esgoto feito com eficiência pela CSJ e todo nosso empenho para garantir abastecimento de qualidade para os próximos 40 anos. Vai ser uma grande oportunidade para todos. Esperamos que as escolas municipais participem das atividades e convidamos toda população para visitar nosso circuito, no Pavilhão 3.

Dicas de conscientização

Os jogos e painéis foram elaborados para alertar os visitantes quanto ao desperdício de água e de que maneira cada um pode colaborar no dia-a-dia. Falando ainda de água e esgoto, os técnicos estarão de prontidão para orientar no que for possível sobre o sistema de saneamento. E para os estudantes em geral a DAE preparou também uma exposição de materiais que foram utilizados nas redes durante esses anos, como manilhas, tubos, canos de ferro, hidrômetros e outros acessórios. “Nossa dificuldade no saneamento é mostrar o que é feito no dia-a-dia, pois essas obras ficam enterradas sob os nossos pés, não são visíveis” – diz o Engholm, acrescentando que as pessoas nem tem idéia do que é o sistema de saneamento numa cidade como a nossa.

A equipe do Parque da Cidade, junto com a TV Educativa, abordará o tema Meio Ambiente através de gincanas-desafio, com perguntas e respostas. Os participantes vencedores ganharão brindes pelo índice de acertos.

Ônibus da UNICAMP com a Oficina Desafio

No pavilhão da DAE haverá também uma atividade denominada Oficina Desafio, da Universidade de Campinas. Trata-se de um projeto onde um caminhão equipado com ferramentas e matérias primas, com oito bancadas externas, receberá equipes de estudantes para participar do desafio do dia que é lançado com objetivo de criar uma situação a partir de um problema real ligado ao meio ambiente.As pessoas terão que encontrar uma solução para o problema. É uma atividade que dura de 3 a 4 horas e será realizada na sexta-feira (5). O ônibus ficará estacionado nos fundos do pavilhão e para participar é só passear pelo circuito e aprender sobre decomposição de metais, entre outros utilidades de materiais que podem ser reutilizados ao invés de degradar a natureza.

Vale a pena ver:
A Biodiversidade

Este tema também será tratado na feira, através da exposição “Biodiversidade do Estado de São Paulo”, projeto da Estação Ciência da Universidade de São Paulo, que está sendo trazida pela Casa da Cultura. As pessoas poderão ver através de 58 painéis, textos didáticos, mapas e imagens de satélite a distribuição espacial dos ambientes aquáticos,dos centros urbanos e da vegetação nativa remanescente.
Água Brasilis e Aqüífero Guarani

A trajetória Natureza-Homem será mostrada na Feira do Meio Ambiente através da exposição Água Brasilis, da Estação Ciência, que mostra a história do Brasil desde os índios até os dias atuais. São maquetes, painéis, fotos ilustrações que conduzem a busca de soluções para a preservação de mananciais. Também haverá uma maquete mostrando a água subterrânea do famoso Aqüífero Guarani.
PEAMA “realiza sonho de pedalar”

Quem visitar a Feira do Meio Ambiente, terá a oportunidade de participar das atividades de ciclismo do PEAMA – Programa de Esportes e Atividades Motoras Adaptadas -, da Secretaria de Esportes/PMJ, que trabalha com clicloescola e cicloturimso ou cicloviagem. As pessoas, de qualquer idade, que sempre quiseram aprender a pedalar, mas por medo ou qualquer outra dificuldade não aprenderam poderão ter essa oportunidade com o pessoal do PEAMA.

PET com Ney Nanzi

O jundiaiense Ney Nanzi, conhecido por sua habilidade com a reciclagem de PETs, e a sua luta há anos em defesa do meio ambiente, vai permanecer no circuito durante todos os dias ensinando como reciclar essas garrafas plásticas e transformá-los em peças interessantes de decoração. Tudo em nome do meio ambiente.

Grafitagem do Ciclo Hidrológico

Um painel de 3 X 2, em madeira, ficará na entrada do pavilhão DAE/CSJ para que dois profissionais do grafite construam o ciclo-hidrológico, simbolizando as etapas importantes das reservas de água.

Serviço:
DAE e CSJ apresentam: Circuito Água e Esgoto para cuidar da Natureza”
Pavilhão 3 do Parque da Uva, de 4 a 5 de junho.
Dia 4 (19horas – abertura), 5 – das 10 as 21h. e 6 – das 10 as 17h.
Entrada gratuita.

Publicada em 29/05/2009



Rodovia Vereador Geraldo Dias, 1500
Vila Hortolândia - Jundiaí - SP ver no mapa
Telefone: (11) 4589-1300
Prefeitura de Jundiaí
DAE Jundiaí | Desenvolvido por CIJUN