Arquivo de Notícias

Abertura da SIPAT contou com peça teatral

Abertura da SIPAT contou com peça teatralA semana na DAE começou com a abertura da 16ª SIPAT. Logo pela manhã os diretores da empresa fizeram a abertura oficial do evento. O hino nacional foi executado pelo saxofonista Davi Galo, enquanto os diretores Milton Takeo, Edelton Suave, Eduardo Pereira e Eduardo Palhares hastearam respectivamente as bandeiras da DAE, Jundiaí, Estado de São Paulo e do Brasil (Veja fotos).

O presidente da CIPA, José Dib Junior, lembrou que a Semana é um momento de reflexão. “Essa é a melhor oportunidade para pensarmos se estamos agindo corretamente em nossas atividades e o que ainda precisamos melhorar. Também é a demonstração de que a empresa preocupa-se muito com a segurança de todos os servidores”.

O Engenheiro Antonio Razera, chefe da Gerência de Segurança do Trabalho agradeceu a presença de todos. “Precisamos refletir e analisar nossa segurança diariamente, mas essa semana é uma oportunidade em especial para que possamos levar ao nosso dia-a-dia”.

Para o presidente da DAE, Eduardo Santos Palhares o evento é uma satisfação para toda a diretoria. “Esse evento é de extrema importância para a segurança e tranqüilidade para que nossos servidores possam exercer suas funções. Em 2008 queremos intensificar a nossa participação mais perto do setor operacional para sentirmos de fato o que o departamento precisa para o trabalho ser feito ainda com mais qualidade”.

O Secretário de Recursos Humanos, Vicente de Paula Silva, representou o prefeito Ary Fossen e disse que a DAE é uma empresa exemplo, pois tem grande preocupação com o bem-estar e qualidade de vida dos servidores. “Aproveito para parabenizar a comissão organizadora da SIPAT e que todos possam aproveitar ao máximo a oportunidade para o aperfeiçoamento”.

Conhecimento – Após a abertura oficial os presentes assistiram ao teatro “Segurança, questão de comportamento”, com Alberto Lima do Grupo Protexto. Ele abriu sua apresentação mostrando um dado muito importante: a cada quatro horas morre um trabalhador no país.

Dentre outras informações ele falou sobre a questão de trabalhar por necessidade, por causa do dinheiro, mas também por amor, por gostar. Outro ponto destacado foi a questão de que todo acidente é inesperado e por isso é preciso o máximo de cuidado e prevenção para que as chances sejam reduzidas.

Publicada em 26/11/2007



Rodovia Vereador Geraldo Dias, 1500
Vila Hortolândia - Jundiaí - SP ver no mapa
Telefone: (11) 4589-1300
Prefeitura de Jundiaí
DAE Jundiaí | Desenvolvido por CIJUN