Arquivo de Notícias

Prefeito anuncia investimento de R$ 72 milhões em saneamento

Colônia, Vianelo, Jardim Rio Branco, Jardim do Lago, estes e diversos outros bairros de Jundiaí serão beneficiados com obras de galerias de águas pluviais e canalização de córregos, devido ao projeto que a Prefeitura de Jundiaí, por meio da Fundação Municipal de Ação Social – Fumas – e da DAE S.A. Água e Esgoto apresentou à população no último sábado (10) no Centro de Municipal de Convenções e Exposições João Guimarães Rosa, no Complexo Argos.

Com a presença do prefeito Ary Fossen, presidente da DAE Eduardo Santos Palhares, superintendente da Fumas Solange Marques, vice-presidente da Caixa Econômica Federal João Carlos Garcia, presidente da Câmara dos Vereadores, Luiz Fernando Machado, vereadores, secretários e outras autoridades como os ex-prefeitos André Benassi e Miguel Haddad, foi anunciado oficialmente o investimento de R$ 72 milhões, provenientes do “Programa Saneamento Para Todos”, um pacote que engloba 25 obras de saneamento como drenagem de galerias pluviais, retificação e canalização de rios e córregos, além da duplicação da represa de acumulação do Jundiaí-Mirim e a construção da terceira faixa da Avenida Nove de Julho

No total Jundiaí foi contemplada com dois repasses um de R$ 43.282.256,00 na modalidade “Manejo de Águas Pluviais” pelos projetos apresentados pela Fumas e R$ 15.000.000,00 no programa “Abastecimento de Água”, pela DAE S.A.. Somados os repasses são da ordem de R$ 58.282.256,00 e a contrapartida do Município é de R$ 13 milhões.

Durante seu discurso o prefeito lembrou que foram diversos anos de luta para se conseguir os recursos, que exigiam muita burocracia. “Como somos poder público temos de enfrentar todos os tramites exigidos, mas graças à participação ativa das secretarias conseguimos alcançar nosso objetivo e hoje fazemos o anúncio desse investimento. É com muita satisfação que posso dizer que Jundiaí vai se transformar num grande canteiro de obras”, comentou Ary Fossen.

O vice-presidente da Caixa Econômica Federal, João Carlos Garcia, que também é jundiaiense, afirmou que o anúncio do pacote foi para ele uma dupla satisfação. “É um prazer e uma honra para mim, pois o recurso vai ajudar na melhoria da qualidade de vida de Jundiaí, minha cidade natal, onde reside minha família. Mas é importante salientar que o Município só conseguiu ser contemplado porque tem capacidade de financiamento e endividamento. Posso garantir que esse investimento vem para Jundiaí e que esse valor é uma pequena parte do que ainda pode vir”.

Garcia ainda comentou sobre a habitação social, que também poderão contar com os recursos da Caixa. “Esses benefícios serão voltados para a camada da população que mais precisa, para os mais carentes. É a união dos governos federal e municipal para o benefício do povo”, comentou.

Eduardo Palhares comentou a satisfação no anúncio das obras que vão trazer segurança para a população. “Depois de tantos anos pleiteando, conseguimos esse recurso. Essas intervenções vão garantir mais segurança, pois quando nos defrontamos com fortes chuvas coloca-se em risco a saúde das pessoas. Com a canalização dos córregos o cidadão não enfrentará problemas de locomoção e moradia devido às enchentes. Outro ponto importante é a duplicação da represa, que vai passar de 5,5 para 12 bilhões de litros, uma garantia de água para o futuro. Essas obras são solicitadas há anos pela população e temos muito a agradecer à Caixa Econômica Federal”, comentou o presidente da DAE.

Na próxima semana deve ser iniciado o processo de licitação, mas as obras devem ter início somente no segundo semestre. O recurso do “Saneamento para Todso” é proveniente do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC – do governo federal e será liberado à medida que o cronograma de obras da prefeitura for apresentado.

Histórico – O repasse foi obtido por meio de um longo processo iniciado em 2005 pela Fumas, que deu entrada ao processo de Seleção Pública promovido pelo Ministério das Cidades, para receber recursos do Programa Saneamento para Todos, que antes recebia o nome de Pró-Saneamento e que tem como agente financeiro a Caixa Econômica Federal.

Mas Jundiaí só pôde participar porque tinha projeto técnico dentro das especificações e critérios da Seleção Pública, exigência do Ministério. Com o esforço da equipe da administração municipal, a cidade conseguiu levantar os dados, especificar as prioridades, promover vários estudos e formatar os projetos para pleitear o repasse de recursos disponíveis no Ministério das Cidades para a realização de obras de infra-estrutura.

Em abril de 2006 saiu o primeiro resultado da Seleção Pública, mas Jundiaí não fazia parte da lista das cidades contempladas com os projetos aprovados. Mas em fevereiro deste ano, devido ao novo limite de crédito, as propostas enviadas pela administração foram aprovadas.

Publicada em 12/03/2007



Rodovia Vereador Geraldo Dias, 1500
Vila Hortolândia - Jundiaí - SP ver no mapa
Telefone: (11) 4589-1300
Prefeitura de Jundiaí
DAE Jundiaí | Desenvolvido por CIJUN